Procurando o mar

Não fora o mar,
e eu seria feliz na minha rua,
neste 1º andar da minha casa
a vêr, de dia, o sol, à noite a lua
calada, quieta, sem um golpe de asa.
Não fora o mar,
e este cruel desejo de aventura
seria vaga música ao pôr do sol
nem sequer brasa viva, queimadura,
pouco mais que o perfume duma flôr
Fernanda de Castro

26 comentários:

mundo azul disse...

___________________________________


...imagem e poema num belo enlace!


Parabéns aos dois artistas...


Beijos de luz!

__________________________________

Ana Lúcia disse...

O enquadramento, a cor e a luz estão fabulosos Miguel.

Ángel Corrochano disse...

Bellísima composición, minimalismo natural con esas tres franjas dividiendo el encuadre. El punto de interés, el farol, muy bien elegido. Excelente

Abrazos

amatamari© disse...

A vision that fills my soul of
infinity and a photograph that I love:color, perspective,intensity.

Thanks!
:-)

Merce disse...

E fermosa. Encantanme as cores suaves. Unha composicion moi linda, ben buscada.

Noraboa :)

JMV disse...

"Não fora o mar"...Exactamente.

ruimnm disse...

Linda, linda!
Enquadramento, cor, luz: perfeito!
Até o título escolhido!

Isabel Membrado disse...

Mmmmm ....... seguimos en azul y blanco. Ya sabes que me encanta.
Cuánta sencillez y belleza al mismo tiempo.
Abrazos,

Remus disse...

Esta é uma fotografia que cheira e transpira a férias e verão. :-)

As cores estão perfeitas e o enquadramento não poderia ser melhor.
Parabéns.

Chapa disse...

Quem me dera uma rua com o mar ao fundo. Acho que é um dos meus grandes desejos.
A foto está excelente, boa composição e uma bela luz.

alex. disse...

um enquadramento tao lindo e harmonioso... o olhar e conduzido à imensisao de azul... o contraste com o branco.. o verde...o candeeiro.. esta linda... parabéns!

Simples Assim... disse...

Ao ler seu comentário lá no Impressões, a palavra que me veio à cabeça foi "delicadeza". Não uma delicadeza de modos, de postura, o que pode ser ensaiado, treinado. Mas uma delicadeza de olhar, de sentir. Vim até aqui e depois de ler alguns posts, percebo que eu não havia me enganado, por aqui, paira mesmo uma delicadeza (nada clichê, diga-se de passagem) no ar. É isso, não fora o mar... rs.

Adrian LaRoque disse...

Foto e poema perfeitos Miguel.

R.Ferrari disse...

Belas e poseias e belas fotos.

Jorge Monteiro disse...

O enquadramento e os brancos ficaram fantásticos.
Esta é uma foto de grande beleza. O poema foi bem escolhodo.
Abraço.

Hugo disse...

sublimissime !!!

mariana disse...

Beautiful ! Such an amazing view through these white walls to the shamelessly blue sea and sky !!!

L.Reis disse...

Absolutamente delicioso, este recanto onde o olhar reencontra o mar

calata disse...

esta preciosa imagem tendrías que haberla publicado al principio del verano, ahora al final me da nostalgia al verla, ya esta aqui el otoño, por fin......., un abrazo

manola disse...

j'adore.. ce bleu, est magique... superbe!!!

Vitamina Dupla disse...

Foto fantástica na terra onde o mar é mais azul:-), enquadramento e luz perfeitos.
Senão me engano muitas vezes por este caminho passei...
Abraço e continuação de um óptimo Domingo

Olhar Lunar disse...

Muito bom o teu trabalho. Parabéns.

praia da lua disse...

dá vontade de ir...e ficar :)
mt agradável e bem captada
bj

pedro alexandre disse...

boas miguel, gostei dos tons, e da composição, um autentico convite para o escape, dá vontade de percorrer essa rua solitária.

CR disse...

Olá Miguel.
Há quanto tempo não passava por aqui (nem pelos outros blogues). Agora é necessário tempo para saborear tudo isto...
Um abraço.

Cristiane disse...

Que linda foto! Hoje também está um dia de sol em São Paulo, com a chegada do verão... Gostaria de estar aí.